Buscar
  • Clínica Rio de Janeiro

MARCOU CONSULTA COM O GINECOLOGISTA? LISTAMOS 6 COISAS QUE VOCÊ DEVE SABER ANTES DE IR!



Uma coisa é certa: ir ao ginecologista pelo menos duas vezes ao ano é fundamental para a saúde íntima da mulher. E quando o dia da consulta se aproxima, sempre batem aquelas dúvidas clássicas.


1) Agende sua consulta uma semana após a menstruação

O ideal é marcar a consulta entre cinco a sete dias após a menstruação. Antes disso, o fluido menstrual pode atrapalhar a coleta do preventivo ou gerar desconforto no exames de mamas, já que elas ficam mais sensíveis e inchadas no período menstrual.


2) Se depilar ou não: você escolhe

Pode parecer estranho, mas não necessariamente você precisa estar depilada nesse dia. Os pelos, além da função de proteção, indicam ao médico a quantidade de hormônios femininos e masculinos, o que pode ajudar na avaliação de doenças como ovário policístico. Se quiser, pode se depilar sem excesso para evitar irritações que atrapalhem no dia seguinte. A escolha, de fato, é sua, então fique à vontade. ;)


3) Evite ter relações sexuais um dia antes da consulta

Segundo o ginecologista Alfredo Rezende, não é recomendado ter relações sexuais um dia antes à consulta se você for fazer algum exame intravaginal, como o preventivo. “Isso porque o esperma e a camisinha alteram o pH da vagina. Mas se a visita ao médico for somente para trocar a pílula anticoncepcional ou uma conversa para tirar dúvidas, não há problema algum”, explica.


4) Lavar a vagina com ducha atrapalha o exame médico

Muitas vezes, principalmente quando a menina é mais nova, ela tem a impressão errada de que o médico vai se incomodar com o odor da vagina. Aí, se tiver um banheiro com chuveirinho no consultório é a oportunidade de dar uma ducha com a água forte e fazer uma limpeza completa, né? Não! “Esse hábito não é bom para a saúde vaginal no dia a dia, e no momento do exame então, nem se fala, já que a água pode atrapalhar a coleta do material para o papanicolau (preventivo)”, afirma o médico. Tomar banho no dia da consulta e usar um sabonete com pH baixo ou neutro já é o suficiente.


5) Use um protetor diário para se proteger da umidade e odor

Você pode usar um protetor diário de calcinha e evitar que a umidade e o odor natural passem para a peça íntima. Como a versão para o dia a dia desse tipo de produto é respirável, ou seja, permite a circulação de ar, você pode usar o dia inteiro - respeitando o horário de troca de 3 horas. Ele vai absorver a transpiração e neutralizar os odores naturais da área íntima, dando sensação de frescor na região.




6) Faça xixi antes da consulta

Urinar antes de entrar na sala do ginecologista ajuda a te deixar mais confortável na hora de examinar o útero. O motivo é simples: segundo o médico, a bexiga cheia pode causar um certo incômodo na região pélvica durante o preventivo.

0 visualização

Clientes atendidos:

© 2018 por Clínica Rio de Janeiro. Orgulhosamente criado por agws.com.br

Parceiros:

  • Facebook ícone social
  • Instagram ícone social